Absinto na República Tcheca. A “fada verde” está de volta?

18 September 2009 in Curiosidades, Gastronomia, Utilidade pública e tcheca

Absinto, a fada verde engarrafada.

Absinto, a fada verde engarrafada.

Se você não viveu o início do século XX (é bem provável que não), não deve ter experimentado o absinto. Quando Toulouse-Lautrec estava pintando Jane Avril e Mucha fazia os cartazes de Sarah Bernhardt, o absinto era a bebida da moda. Dez entre dez artistas e malucos de plantão bebiam a “fada verde”, nome como era conhecido o destilado feito de absinto e anis. 

O apelido foi dado porque era comum ter delírios e/ou alucinações muito doidas depois de beber o preparado de cor verde-pálido. Muitos convulsionavam. Outros estrebuchavam. Vários morriam. Não é de se admirar que a bebida fosse proibida em 1915.

 Pausa na história e pergunta ao leitor: por qual outro nome é conhecida a erva absinto?

Eu não sabia e me surpreendi. A Artemísia Absinthum é popularmente chamada de…losna.

Se você tem raízes no interior, já deve ter provado um bom chá de losna quando o estômago estava embrulhado. Era amargo, era fedido, mas funcionava. Com certeza devem usar a losna para preparar os fármacos estomacais mais modernos que você compra na Droga Raia.

Então, como pode a losna ser medicinal, o absinto ser mortal, e os dois serem a mesma coisa? Voltamos à história!

A obra de Degas "Absynthe" - o tema era moda no início do século XX.

A obra de Degas "Absynthe" - o tema era moda no início do século XX.

A verdade é que o absinto (ou a losna) sozinho é inofensivo. O problema é depois de destilado – o teor alcoólico é muito alto, chegando a inacreditáveis 70%. E, no caso dos artistas art-nouveaux, a coisa era piorada – eles consumiam o absinto junto com láudano, uma substância opióide. Ou seja, a losna era inocente. O láudano é que era a droga que detonava o artista.

Felizmente, estudos recentes descriminalizaram o absinto, e a bebida pode voltar a ser produzida, vendida e consumida. Porém sem o láudano, e diluindo o teor alcoólico, que continua digno de mover um carro bicombustível. Então, aprenda como beber o absinto, à venda em diversas casas de souvenir na República Tcheca.

O absinto tcheco e seu tradicional métode de preparo: inofensivo.

O absinto tcheco e seu tradicional métode de preparo: inofensivo.

1)    Coloque uma pequena dose em uma taça;

2)    Usando um suporte especial ou pequena peneira, coloque um torrão de açúcar suspenso sobre a taça;

3)    Verta água gelada no torrão e dentro da taça. A água derrete o torrão e dilui a bebida, deixando-a palatável.

Tags: , , , ,

7 Comments to Absinto na República Tcheca. A “fada verde” está de volta?

  1. Eita, piula! E o povo ainda fala da pobre da ganja!!!

  2. Tamara on 6 February 2011
  3. oi onde eu posso comprar a bebida original da Republica Tcheca, tem algum site, pois as que vendem aki no Brasil é somente o licor

  4. mayara on 23 June 2011
  5. eu jã vi absinto d teor alcoolico d 90%

  6. vanessahh on 16 August 2011
  7. OLA EU TOMEI UM ABSINTO ORIGINAL DO SÉCULO 19
    DIGO ISTO PORQUE TIVE A OPORTUNIDADE DE IR
    NA REPLUBICA TECHA E NUMA FASENDA LA TOMEI DE UM RAPAS QUE FAS O FAMOSO ABSINTO ORIGINAL COM LÁUDANO E ACREDITE TIVE VISÕES AMIGOS ESSA PO RR A É DE DOIDO ……….. AS:ARKHENEMY

  8. ARKHENEMY on 7 November 2011
  9. a losna tem outro nome

  10. laura gabriela on 26 March 2012
  11. muitoo fodaa essa bebidaaa

  12. Ellem on 19 October 2012
  13. Onde fica esta fazenda que vende absinto com laudano?

  14. Cristina on 2 December 2012

Leave a comment



Busca Rápida

Categorias

Dicas instantâneas

Calendário

July 2014
M T W T F S S
« Oct    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Blogroll

Eu recomendo

  • 1) CzechTourism.com - Página oficial do turismo tcheco, com informações completas e até banco de imagens.
  • 2) Culinária Tcheca - Site com receitas da gastronomia tcheca e indicação de restaurantes credenciados.
  • 3) Irish Institute - Este é o site do Instituto que promove a Irlanda no Brasil. E, afinal, Irlanda é um país-irmão da República Tcheca, ambos unidos pelo amor à cerveja!
  • 4) Blog da Flávia - Blog de minha querida irmã, que vive na Irlanda e escreve muito bem.
  • 5) Cris Berger - Site da jornalista gaúcha que visitou a República Tcheca e acabou voltando com uma exposição fotográfica na mala.
  • Blog de Bordo do Bruno Agostini O camarada Agostini vai postando notícias conforme viaja. E não viaja pouco, então e pão fresquinho a toda hora!
  • Enoteca por Bruno Agostini Outro blog do incansável Bruno, este voltado para a “vinhologia” e outras coisas boas da vida.
  • Entrelinhas Esportivas by Rogério Domingues Uma mesa redonda de um homem só – mas sempre com fatos e curiosidades do mundo esportivo. Rogério Domingues é comentarista do canal comunitário da NET em Santa bárbara D´Oeste.